POR QUE SE CHAMA CONSTELAÇÃO FAMILIAR?

Muitas pessoas me perguntam o porquê do nome “Constelação”. Tem a ver com astrologia? Vou explicar aqui a metáfora por trás do nome desse método terapêutico incrível que transformou a minha vida e vem transformando a vida de milhares e milhares de pessoas diariamente…

Assim, como numa constelação de estrelas, cada elemento da família tem o seu lugar, único e intransferível. Se uma estrela sai do seu lugar, é excluída ou tenta ocupar um lugar que não é seu, a constelação se desconfigura e todas as demais estrelas precisarão se mover para compensar o desequilíbrio e restaurar a ordem original.

Bert Hellinger, o criador das Constelações, descobriu a importância do respeito ao lugar de cada um, da ordem e da hierarquia dentro do sistema familiar. O método das Constelações Familiares visa resgatar a ordem e o equilíbrio em nossa família e, como  consequência, trazer essa ordem e equilíbrio para nossa vida. As leis sistêmicas nos ensinam que cada um tem o seu lugar na família. Assim, o pai é o pai, a mãe é a mãe, o filho é o filho e não cabe a ninguém tomar um lugar que não é seu. Se na família, cada um tem seu lugar reconhecido e respeitado, a vida de cada membro dessa família flui com leveza e facilidade. Se em sua família há inversão de papéis, desrespeito à hierarquia e à ordem em que as pessoas chegaram na família, isso pode estar gerando uma desordem em sua vida e nas vidas dos envolvidos (direta ou indiretamente).

Saiba o que é Constelação Familiar clicando aqui.

Para agendar sua Constelação, entre em contato comigo pelo email roberta@terapiacomroberta.com.br ou pelo Whatsapp – 41 99934-9711

 

Roberta Dias de Oliveira

Terapeuta em Constelações Sistêmicas, Mestre em Reiki, conduz Constelações em grupo, ministra Cursos de Formação em Constelações Sistêmicas e atua com técnicas de liberação psicoenergética como EFT, PNL, hipnose, auriculoterapia quântica e outras.

contato@terapiacomroberta.com.br

www.terapiacomroberta.com.br 

Comentários